Criança precisa brincar! Saiba por quê

Crianca brincando

Você já reparou em uma criança brincando? Ou melhor, caso tenha filhos, já reparou no seu filho brincando? O que você viu ali, além da brincadeira pura e simples?

Espero que você me responda que viu um mundo novo a se abrir, uma pureza inexplicável e uma doçura sem fim como se tivesse ouvindo uma canção de anjos a ecoar. Espero que você responda que sempre cai uma lágrima quando olha seu pequeno brincar. Ora, tem que cair, por que uma criança brincando está fazendo uma coisa linda: está dando sentido para a própria vida (essa frase, por favor, não é minha, quem disse, muito sabiamente, foi o professor Tiago Aquino nesse texto aqui).

Pois bem. O post de hoje é apenas uma homenagem ao brincar. Ou melhor, na verdade, o que quero é mostrar por que a brincadeira é tão importante na vida das crianças e devemos colocar como parte da rotina um espacinho para elas terem tempo para brincar.

Digo que temos que reservar um espaço na agenda, pois as crianças de hoje são como mini empresários do Business, só têm obrigações, coitadas. Elas estão cheias de atividades, mas vazias do lúdico. E isso é uma coisa péssima. Sabe por quê?

A criança não brinca apenas para se distrair. A criança brinca por que precisa saber agir e ser no mundo e recorre ao universo imaginário e criativo de uma brincadeira para fazer isso. É como se ela estivesse treinando para a vida, aprendendo como o mundo funciona, por meio das experimentações que ela vai fazendo no ato de brincar.

brinquedos

Piuí, piuí, piuí, abacaxi. Choque, choque, choque, choque por aí (vamos tentar entender a complexidade dessa letra por um segundo)

Não sou eu que digo isso, são especialistas no assunto. Por meio da brincadeira, a criança encena papeis sociais, experimenta, consegue manifestar suas emoções, angústias, dúvidas e etc. Além disso, a brincadeira estimula a imaginação e a criatividade. No caso das brincadeiras em grupo, os pequenos vão aprendendo a socializar-se, a cooperar, a saber lidar com as frustrações, quando perdem um jogo, ou até mesmo com a vitória (sim, temos que saber lidar com ela também), aprendem também a importâncias das regras e do respeito ao próximo.

Brincar ensina não somente para a vida, mas também ajuda no desenvolvimento de habilidades essenciais, como raciocínio, equilíbrio, atenção, linguagem, expressão corporal, e um monte de outras. Crianças que brincam estão exercitando todas essas coisas ditas até agora. E mais.

Nós aprendemos muito mais sobre nossos filhos por meio da brincadeira. Eu conheço a Valentina sabe por quê?

advert-84405_1920

Ela é sua filha, dãããã!

E também por que a pequena está 24h por dia na minha cola? Sim! Mas também por que a observo muito, principalmente, brincando. Sei, por exemplo, que quando ela se frustra por não conseguir fazer algo, uma irritação sem tamanho toma conta dela e ela não sabe lidar com isso, sem desistir de tudo e chorar. Por mais que eu saiba que nessa idade as crianças não sabem mesmo lidar com as frustrações, sempre explico para ela que nem sempre algo que ela quer vai dar certo e tudo bem, que ela pode continuar tentando ou mudar de brincadeira. Claro que esse é um papo muito adulto para ela ainda, mas isso já é um ensaio para ela absorver o conceito.

Eu sempre incluí uma parte do dia para ela brincar. Na verdade, fora o período que a gente passa fazendo as coisas chatas para ela (hahaha), do tipo tomar banho, fazer as refeições (nesse caso, ela até que gosta), dormir e etc, ela passa bastante tempo brincando. Ora, comigo. Ora, sozinha. Eu tenho, inclusive, uma lista de ideias de brincadeiras novas, que vou testando no decorrer da semana. Pesquiso sobre o assunto, acesso bastante o site Tempo Junto, que tem um monte de dicas legais, e sigo firme e forme, acreditando que, além de todo amor e cuidado, tenho também que permitir que ela seja criança, pura e simplesmente.

É essa a recomendação que faço para todas as mães de agora e futuras: deixem os filhos de vocês brincarem muito, por que isso faz um bem danado e é essencial para eles crescerem os adultos lindos, cheirosos e perfeitos que você quer. Criança precisa seguir rotina, claro. Criança precisa estudar, evidente. Mas a brincadeira é parte do coraçãozinho delas. Nunca, nem por um segundo, pensem que brincando elas não estão fazendo nada, pois é exatamente o contrário: elas estão fazendo tudo, tudo que precisam para seguir nesse “treinamento” de vida e que, ainda por cima, proporciona uma felicidade sem igual.

Aproveite, e faça como eu: brinca com seu filho também e reaprenda a ser criança. Adulto também precisa brincar, viu? Ninguém aguenta 24h de realidade na mente. Tem que desanuviar, vez ou outra. Bjs!

 

 

FONTES PESQUISADAS:

http://dc.clicrbs.com.br/sc/noticias/noticia/2013/08/a-importancia-da-brincadeira-no-desenvolvimento-infantil-4227309.html

http://www.psicologia.pt/artigos/ver_opiniao.php?a-importancia-do-brincar-no-desenvolvimento-da-crianca&codigo=AOP0394

http://delas.ig.com.br/filhos/a-importancia-do-brincar/n1237554276340.html

http://www.cartaeducacao.com.br/artigo/a-importancia-de-brincar-para-educacao/

http://www.contioutra.com/a-importancia-do-brincar-na-infancia/

http://lifestyle.sapo.pt/familia/crianca/artigos/porque-e-que-as-criancas-brincam

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s